O que nossos filhos aprenderam viajando

FLAG USA

Experiências que enriquecem as escolhas ao longo da vida!

Participando de mais uma blogagem coletiva, nós, do Viagem Simplesmente, também contaremos o que nossos filhos aprenderam (ou aprenderão ainda) viajando.

Nossas blogagens anteriores, foram:


Para início de conversa, com a palavra: Eles, que podem nos contar o que aprenderam:                    
 Viagem Simplesmente
"Aprendi a cultura do lugar visitado, treinar o idioma,
valorizar as coisas boas que o Brasil tem, e a certeza,
neste momento, que não quero morar fora."
(Gabi 17 anos).
" Em determinados locais, tipo na visita às Missões/RS, 
as crianças indígenas, vendiam artesanato para sustentarem a família. 
Aprendi sobre a cultura deles, e que essas pessoas sabem
 valorizar o que elas tem."

 (Ygor 12 anos). 
Mais que explicado...rsrsrs

Para nós, pais da Gabi  e do Ygor, a primeira coisa que eles aprendem é que existe um planejamento.

Depois da decisão da escolha do lugar. Planejar uma viagem requer muito engajamento de toda a família, pois é preciso pesquisar, fazer o roteiro e economizar, porque uma viagem custa caro.
gran canion
Incentivamos o respeito e preservação do lugar que visitam. E, procuramos pesquisar sobre o local a ser visitado.
Ensinamos que existem regras, que tem que ser seguidas, não somente em viagens, mas em tudo que se faça. 
Viagem Simplesmente
 Pesquisamos sobre a gastronomia do local, e incentivamos a provar os pratos típicos.
Viagem simplesmente em San Francisco
Aprendem que nem tudo que ouvem de mal sobre as pessoas e os lugares, são realmente verdades. Somente indo e conhecendo, se pode tirar suas próprias conclusões.
Começam a "ouvir" e a entender em outro idioma. Porque eles captam muito rápido as palavras.  Viagem Simplesmente
E, nas próprias viagens pelo Brasil, conhecem novos sotaques e a diversidade de vocabulários de uma só palavra nas de diversas regiões do país. Tipo: na região Sul aipim, no Sudeste mandioca, no Nordeste  macaxeira.
Todo aprendizado é baseando em viver uma experiência. E, viajando eles vivenciam situações enriquecedoras. Também aprendem a lidar com imprevistos e a contornar situações, pois nem todo roteiro sai como esperado, perrengues existem.
De uma modo ou de outro, cada um deles, terá histórias para contar e com certeza, todas elas serão lembrada ao longo de toda a vida. 
Quer saber mais o que outros pais escreveram sobre o que seus filhos aprenderam viajando? Abaixo segue lista de blogs participantes: 

41 comentários

  1. Su,

    E o mais importante é que eles parecem serem super parceiros de viagem.
    Coisa mais linda ver os dois abraçados!

    Feliz Dia das mães!
    Beijos

    Fran @ViagensqueSonhamos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fran, querida. Muito obrigada. Pois então, de repente Álvaro precisa de um parceiro de viagem também...rsrsr

      Excluir
  2. que legal, seus filhotes já estão crescidos e continuam viajando junto com vocês. Acho que eles com certeza tbm aprenderam a amar estar com vocês!!!!!!!!!!!!!!!Parabéns.
    Nossa filha está com 13 anos e percebemos que agora as viagens precisam ser bem mais interessantes para ela, já não é tudo que agrada rsrrss e com isso vamos aprendendo tbm né???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Re! E, quando elas começam a namorar? Aí, sim, ou vc leva o namo junto, ou....rsrsr. Mas, a gente se adapta. Obrigada. Beijo.

      Excluir
  3. Oi Susana,
    Bom ler o relato de quem tem também filhos adolescentes!
    Estava lendo só os posts de quem está com os filhos pequenos e mesmo a minha adorando viagens queria um pouco da docilidade de quando ela era menorzinha..rsrs...
    Um abraço!
    Marcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, eles crescem, e temos que nos adaptarmos e roteirar de forma que eles curta a viagem, eles dão muitos palpites...kkk. Também tenho saudades de quando eram menores.Obrigada pela visita, Beijo.

      Excluir
  4. Maravilhoso, Susana! Amei especialmente o aprendizado de que é só conhecendo algo que se pode tirar conclusões. Nada mais verdadeiro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E, junto conosco, eles se sentem seguros e aprendem mais ainda. Obrigada, Lu, pelo carinho. Beijo.

      Excluir
  5. Perrengue e viagem é quase sinônimo, né, sempre tem alguma coisa! Bom é aprender a lidar e solucionar os problemas que surgem! Seus filhos são lindos, quanta foto bacana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Tudo serve de aprendizado. Importante é ainda estarem conosco. Beijo.

      Excluir
  6. Aaah! O mais delicioso desse post foi ver os dois abraçados! Com certeza a valorização dos laços familiares e fraternos foi mais um aprendizado nessa maravilhosa lista. E o exemplo do Ygor talvez seja algo que até nós adultos ainda temos muita dificuldade em aprender: "valorizar o que tem!"
    Adorei!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aline, me surpreendi com a resposta. A gente nem imagina que isso possa se passar na "cabecinha" deles. Nós sempre mostramos isso: Valorizar o que temos e mostramos quanto é difícil e planejado termos algo. Beijo e obrigada.

      Excluir
  7. Muito linda as palavras dos seus filhos, imagino a satisfação de ver o mundo nesta proporção! Parabéns pelos valores que tem ensinado a eles! Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Cada dia me surpreendo mais com o crescimento e lembranças de nossas viagens. Beijo

      Excluir
  8. Que lindas palavras da Gabi e do Ygor. Muito bom saber a opinião de outros adolescente e na mesma idade do meu filho. Quando chegam nesta idade e ainda querem viajar com a gente é nosso melhor presente, né! Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. Espero que eles queiram, ainda por muito tempo, viajar conosco. Obrigada. beijo

      Excluir
  9. Que graça a Gabi e o Ygor... viagem com adolescentes já muda um pouquinho de estilo, né? Eu adoro! Eles vão crescendo e a gente vai aprendendo cada dia mais! Muito bacana o post, beijos (Fer)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muda, sim, Fe. E temos que continuar adaptando o roteiro para eles...rsrs. Não muda muito de quando são menores. Tem que continuar interessante. Obrigada. Beijos

      Excluir
  10. Oi,
    Susana
    Realmente viagem com adolescente muda mesmo, eles se preparam um pouco mais para ver o que é de seu interesse e você consegue entrar em assuntos mais complexos referente a história do lugar....
    Saudades de Monterey...
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Eles ficam bem mais seletivos e escolhem o que querem ver. Ah, Monterey, também estou com uma saudade danada. Obrigada. Beijos

      Excluir
  11. Muito legal o seu post! Uma graça seus filhos tão companheiros!
    Vou começar a trilhar esse caminho de viagem com adolescentes... Espero que seja tão prazeroso quanto foi com elas pequenas!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre prazeroso, Simone. Mais companheiros, mais interessados. São os primeiros a opinar..kkk, mas é uma fase de adaptações também.

      Excluir
  12. Realmente tivemos alguns pensamentos bem parecidos Su. Adorei revê-los mesmo que em fotos. Estão enormes. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossos pequenos cresceram, não é amiga? Acho que pensamos parecido, por termos filhos praticamente da mesma idade. Que bom que fosse um manual e servisse para outras mães...rsrsr. Beijos

      Excluir
  13. Oi Susana, realmente é um mundo de descobertas que vão ficar na memória dos nossos filhos pra sempre! Adorei :-)

    Beijos,

    Claudia
    @AsPasseadeiras

    ResponderExcluir
  14. Conforme as crianças crescem, vão ficando cada vez mais companheiros e participativo.
    Adorei seu post

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E, exigentes também, amiga..rsrs. Mas, a gente se adapta também. Obrigada

      Excluir
  15. Susana, que bom ler seu post. Agora viajo com adolescente e cada viagem é diferente da outra. Com pequenos a expectativa é uma, nós passamos para eles as informações e eles aprendem conhecendo. Agora, eles já levam uma bagagem maior e aprendemos muito com eles também!!! Um bj :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, eles nos mostram coisas, que muitas vezes passam despercebidas. Toda viagem com eles, aprendemos algo mais. Beijo.

      Excluir
  16. Olá! Gostei bastante da ênfase no planejamento! E que bom que, por serem maiores, seus filhos puderam contribuir com o texto! Parabéns!

    ResponderExcluir
  17. Que lindo seu Ygor Su! Parabéns pelos filhos e que vcs continuem viajando muito!!!! Bjs Daniela Xavier

    ResponderExcluir
  18. Obrigada, Dani. O mesmo desejo para vocês. beijo grande.

    ResponderExcluir
  19. Que legal!!! E serão muitas histórias pra contar!!! :)

    ResponderExcluir
  20. Adorei seu blog, Susana! Tão rico, cheio de imagens que falam por si... Um beijo!

    ResponderExcluir
  21. Suzana, gostei de você ensiná-los que não devemos tirar conclusões precipitadas acerca das pessoas e lugares. Ainda não tinha pensado nisso! Mais uma dica que vou passar para meu filhote! Abraços!
    Patricia Tayão.
    www.viajarhei.com

    ResponderExcluir
  22. Percebi são super parceiros de viagem hein. Viajar com os filhos adolescentes (ou quase isso) deve ser bem legal também, a troca de experiência e o planejamento já é bem participativo. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho conversado com amigos exatamente sobre isso. Na fase que estão, já não querem mais passar tanto tempo dentro de um carro, preferem ir de avião. Já estão beem participativos rsrs. Obrigada pela visita.

      Excluir

Back to Top